segunda-feira, 31 de outubro de 2011

A DESTRUIÇÃO DA CARREIRA

A 5a. reunião da Comissão Tripartite aconteceu nesta segunda-feira, dia 31/10, de 16:30 as 18:15 h. Participaram da reunião:
- Representando o Governo do Estado: Danilo de Castro (Secretário de Estado de Governo), Maria Ceres (Secretária de Estado Adjunta da Educação), Renata Vilena (Secretária de Estado de Planejamento e Gestão).
- Representando o Poder Legislativo: Adalclever, Ivair Nogueira, Paulo Lamac, Pompilio, Antônio Júlio, João Leite, Cássio Soares e Sebastião Costa.
- Representando a categoria: comissão de negociação - Beatriz Cerqueira, Marilda Abreu, Feliciana Saldanha, Lecioni Pereira.
NÃO ACREDITEI NA PROPOSTA QUE O GOVERNO APRESENTOU. ESTABELECER UMA RELAÇÃO DE RESPEITO E DIÁLOGO PARECE MUITO DIFÍCIL PARA ESTE GOVERNO.
No dia 27/09, o Secretário de Estado de Governo Danilo de Castro assinou um documento com o seguinte conteúdo:
"Reiterado a plena disposição de permanente dialógo com a categoria dos professores estaduais, o governo reafirma sua disposição ao entendimento de modo a permitir o retorno pleno da normalidade da rede pública estadual. Para tanto, garante o Sindicato a participação em comissão de negociação, com a presença de 6 parlamentares, além dos representantes do Poder Executivo e do sindicato, com o objetivo de aprimorar e reposicionar na tabela salarial da carreira da educação (em ambas as suas atuais formas de remuneração), com impactos salariais desdobrados de 2012 até 2015, desde que o movimento cesse de imediato."
Fizemos a nossa parte no que foi acordado. Mas o Governo ao apresentar sua proposta na reunião realizada hoje, não cumpriu a sua parte: o acordo é na tabela salarial da carreira da educação, ou seja, na tabela e não em nova tabela ou em nova carreira. "Carreira da educação" não é apenas profissionais do magistério. Seria cômico se não fosse trágico para toda a educação mineira.
O documento foi assinado pelo Secretário de Estado de Governo Danilo de Castro e teve como testemunhas os deputados estaduais: Antônio Júlio, Adalclever Lopes, Rogério Correia, Luiz Humberto, Pompilio, e outros deputados.
A tabela apresentada pelo governo é uma nova tabela com as seguintes regras:
- Cinco níveis sendo a diferença entre cada um deles de 5% e a diferença de 1% entre os graus;
- Nível com 7 graus
- Valores das tabelas:
Professor de Educação Básica
Ensino Médio:
Grau A: R$712,20; B: R$ 719,32; C: R$ 726,52; D: R$ 733,78; E: R$ 741,12
Superior licenciatura Curta:
Grau A: R$747,81; B: R$755,29; C: R$ 762,84; D: R$ 770,47; E: R$778,17
Superior licenciatura plena:
Grau A: R$ 785,20; B: 793,05; C: R$ 800,98; D: R$ 808,99; E: R$ 817,08
Superior/Pós graduação lato sensu:
Grau A: R$ 824,46; B: R$ 832,71; C: R$ 841,03; D: R$ 849,44; E: R$ 857,94
Mestrado
Grau A: R$ 865,68; B: R$ 874,34; C: R$ 883,08; D: R$ 891,91; E: R$900,83
Doutorado:
Grau A: R$908,97; B: R$ 918,06; C: R$ 927,24; D: R$936,51; E: R$ 945,88

A tabela para especialista segue a mesma lógica, os mesmos valores começando pelo nível superior.

Em síntese, o atual Governo continua com a idéia de destruir a carreira que seu antecessor criou.
Neste momento os eletricitários começam campanha salarial, a Polícia Civil retorma a sua mobilização, os trabalhadores da saúde farão mobilização ainda em novembro e a suspensão da nossa greve possibilitou que a categoria receba o salário no início de novembro. O projeto de lei sobre política remuneratória em tramitação na Assembleia Legislativa, congela os salários das categorias, o que atingi quem ficou no subsídio.
Em várias regiões do Estado, o que foi acertado com a Secretaria de Estado da Educação não foi implementado.
E o prêmio por produtividade continua sem data para pagamento.
De fato, pelas nossas condições objetivas, era necessário suspender a greve no dia 27/09, mas não achei que o Governo nos daria um Piso sem pressão. Claro que também não achei que iriam desrespeitar o que acordaram com uma proposta tão absurda. Mas também acho que continuamos com poder de pressão. O Simave está marcado para novembro, o ano letivo ainda pode não terminar ou não começar...

179 comentários:

Anônimo disse...

Por que o governo comtempla as 8 carreiras no subsidio e quando se fala em piso ele quer destruir as carreiras?

Anônimo disse...

Meu Deus, estamos fritos!
O que podemos fazer?

Anônimo disse...

retomada imediata a greve! agora!!!!!!!!!!!!! sofremos 112 dias, não era momento para recuar e sim avançar!recuar é retroceder...
só com sangue se faz justiça! Assim será!
Compnheiros(as) greve já!
chega de palhaçada!
IVAN professor fisica e quimica..minas brasil

Anônimo disse...

E os ATBs e ASBs nem nessa tabela miserável entraram....
E qual foi a resposta do sindicato a essa proposta indecente? o que vocês disseram Bia?
Júlia

Anônimo disse...

SINDICATO..... fAÇO ALGO POR NÓS
ENTRE NA JUSTIÇA!
Acione o STF, peça impeachment, qualquer coisa!
Mas temos que fazer algo contra este governo safado!

Anônimo disse...

Vamos começar uma greve.Já...
GRVE....GREVE.......

Anônimo disse...

O que será de nós?

Anônimo disse...

Bia,eu sempre achei estranho esperar proposta do governo.O que esperar deste governo? Não tinha que haver negociação .Deveria ser cobrado o piso de acordo com a lei,sem conversa.Eles estão permanentemente abertos à negociação e nós vamos ficar permanentemente esperando sentados.Nunca entendi esta de aceitar negociação. Negociar o que? Não há negócio. Tem-se que exigir o cumprimento da lei e pronto. Cansei,pra mim já deu....

Anônimo disse...

O MEU SONHO ENQUANTO CRIANÇA ERA O DE SER UMA "PROFESSORA" E A MINHA MÃE ME INCENTIVOU BASTANTE PARA QUE EU ME FORMASSE.HÁ MUITO TEMPO ATRÁS ESSE SONHO VIROU PESADELO GRAÇAS AOS NOSSOS GOVERNANTES. TENHO DUAS FILHAS E TODOS OS DIAS PEÇO A DEUS "INFELIZMENTE" PARA QUE ELAS NÃO TRILHEM O MESMO CAMINHO DA MÃE.SR GOVERNADOR NÃO DESTRUA OS SONHOS DOS INICIANTES NESSA CARREIRA, POIS ELES SÓ DARÃO CONTA DO DESFECHO DESSA HISTÓRIA DAQUI A ALGUM TEMPO COM A DEFAZAGEM DESSE SUBSIDIO.N.F.O.40 ANOS.

Anônimo disse...

Vamos organizar uma greve...

Eu quero se esse governo CALOTEIRO vai encontrar tampão...

Anônimo disse...

Beatriz,

Como fica que fica quem ficou na carreira antiga?

Anônimo disse...

GREVE GREVE GREVE GREVE GREVE GREVE GREVE

JÁ JÁ JÁ JÁ JÁ JÁ JÁ !!!!!!!

Chega de enrolação!
Acreditar em promessas do governo só dá errado!

MGMATOS disse...

Beatriz , esse sr . que se encontra governador de Minas ,precisa ser levado às pressas para o hospício ,algemas nele ! Creio que ele não pretenda terminar seu mandato .O déspota perdeu a noção .Que essa tabela apresentada hoje entre em vigor para seus secretários .Tomem uma medida urgente , estou passando mal ,com esse resultado.MGMATOS

Anônimo disse...

Beatriz,
O problema é que enquanto você "acha", a categoria está se convencendo de que essas negociações não resultaram em ganhos para a categoria. Até agora nós só perdemos (na prática) e mesmo assim ainda temos fõlego para reiniciar a greve imediatamente. Mas ... os 100%, porque não dá para aceitar que o sindicato lute por aqueles que não fizeram greve e agora exigem ganhos. Se os professores sairem fracassados destas negociações, em 2012, o sindutemg não irá conseguir levantar uma nova greve. Estamos decepcionados com as deliberações do comando de greve. após 24 anos de profissão, meu estômago embrulha quando chega a hora de ir para a escola, o ambiente nas bases é péssimo, todos estão revoltados, principalmente a maioria que não queria o fim da greve e entendeu que entregamos o ouro ao inimigo ...
Participei das caravanas de caça ao Governador, vigília, manifestações em escolas que não aderiram o tempo todo à greve, passei horas na escola tentando impedir designações, mas agora para mim basta. Cheguei ao limite e como eu tantos outros colegas. Não dá acreditar num milagre!!! A cada segunda-feira assisto o mesmo capítulo da novela "negociação". como disse o Rogério Correia no blog dele, a categoria precisa se manter mobilizada! Vamos suspender as aulas, mas ficando na escola, impedindo assim que o governo corte o ponto e contrate substitutos... Essa é a minha sugestão e desabafo.

Anônimo disse...

Estou pasma com a canalhisse deste desgoverno ditador. Nos agrediu física, moral e psicologicamente. Tirou o único meio de sustento, cortando nossos salários. Contratou QUALQUER UM para o nosso lugar (depois fala em qualidade na educação).E agora apresenta esta proposta ridícula. Temos que nos mobilizar URGENTE. AGUARDO NOVAS ORIENTAÇÕES...Amplexos,
Elenice Vidal Prata

CENTENÁRIO DO FRANCISCO FERNANDES disse...

PRECISAMOS DAR UMA LIÇÃO NESTE CALOTEWIRO. SEM PAGAMENTO DO P^RÊMIO DE PRODUTIVIDADE NÃO PODEMOS DEIXAR A PROVA BRASIL ENTRAR EM NOSSAS ESCOLAS. sEM TABELA DE PISO NACIONAL NÃO VOLTAMOS EM FEVEREIRO DE 2012. ESSES TUCANOS SÓ TÊM BICO.

CENTENÁRIO DO FRANCISCO FERNANDES disse...

PRECISAMOS DAR UMA LIÇÃO NESTE CALOTEWIRO. SEM PAGAMENTO DO P^RÊMIO DE PRODUTIVIDADE NÃO PODEMOS DEIXAR A PROVA BRASIL ENTRAR EM NOSSAS ESCOLAS. sEM TABELA DE PISO NACIONAL NÃO VOLTAMOS EM FEVEREIRO DE 2012. ESSES TUCANOS SÓ TÊM BICO.

Anônimo disse...

Estou em pânico! Ninguém vai parar esse cara? Ele é simplesmente louco.E o Aécio? Colocou essa bomba nas nossas mãos e sumiu...
Socorro! Minas Gerais está sangrando, estamos sofrendo muito. Só temos um consolo, esse doente não é eterno.

Anônimo disse...

Bia,
vim em busca de uma boa notícia, e quase caí dura com essa última.É brincadeira!!!! Não podemos aceitar!!! Vamos pra rua...
Nas escolas, os diretores continuam mantendo os professores substitutos! Fico indignada!!
Igarapé/ 31/10/11

Cida Ribeiro disse...

Todas as melhorias conseguidas para a Educação foram através de muita luta. Com essa não seria diferente. Só não contávamos com o mal caráter de um governador e sua equipe em tentar dar-nos uma rasteira, numa jogada tão suja. Ainda há tempo para agirmos! Será que nossos 153 mil companheiros optantes pelo VB estão dispostos a se empenhar em nova batalha? Não podemos perder nosso Plano de Carreira!!!

GraçaNog disse...

Beatriz,
A proposta do governo é ridícula!
E sobre o aumento em janeiro de 2012, falou-se alguma coisa? Ele também vai descumprir?

Anônimo disse...

E agora qual será a atitude do sindicato?

Cida Ribeiro disse...

Mas, por favor, se formos recomeçar a paralisação, precisaremos organizar pessoal nas sub-sedes para percorrer as escolas, principalmente do interior, onde muitos acham que a participação no movimento não fará diferença. Não podemos ter 153 mil na Carreira e apenas 12 mil fazendo greve! Isso enfraquece o movimento!

Anônimo disse...

BEATRIZ, é lamentável a postura deste governo. Mas, qual a argumentação dos seus representantes? 22% a mais em cada nível não foi o proposta inventada por eles? porquê agora eles correm?

FORÇA E LUTA.

JOÃO CHAVES - BH

Anônimo disse...

GENTE, TÔ DE CARA, DEMORAR TANTO PARA APRESENTAR OUTRO PLANO DE CARREIRA, OUTRA TABELA, FICO TRISTE.

MAS MESMO COM ESSA TABELA RIDÍCULA, P PISO AINDA É MAIS VANTAJOSO.

DEVEMOS NOS MOBILIZAR PARA NÃO COMEÇARMOS EM 2012.
OU O PISO NA CARREIRA OU PARADA GERAL

telma disse...

BEATRIZ,
REALMENTE É UM GOVERNO QUE NÃO DÁ VALOR AOS SERVIDORES DO ESTADO.
ESTÁ NOS TIRANDO TUDO QUE PODE.
E,OS PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO, SIMPLESMENTE IGNORANDO ISTO.PELO DESCASO COM QUE A NOSSA CLASSE ESTÁ SENDO TRATADA PELO GOVERNO ERA PARA A GREVE TER TIDO UMA ADESÃO TOTAL.
PARECE QUE VAMOS TER NO ESTADO UM OUTRO "QUADRO PERMANENTE".UMA PENA!!!!TODOS DE VENDA NOS OLHOS.

Anônimo disse...

Mas a tabela foi aceita?O que ficou decidido?

Anônimo disse...

GREVE IMEDIATA GREVE IMEDIATA
JUNTOS SINDUTE E NDG

GREVE IMEDIATA GREVE IMEDIATA

Anônimo disse...

E os comentários? Libera aí, Beatriz.
GREVE. GREVE. GREVE.

Anônimo disse...

Beatriz,

Absurdo e Indigesto esta ridicularidade de proposta do governo! Tomei um susto ao ler o título de sua postagem, e estava tão otimista... Será que os companheiros terão força para nova mobilizaçãoe este ano. Às vezes duvido disso. Difícil prever. É isso que está no projeto enviado à ALMG? Como ficamos então? Tem outra reunião na próximo segunda?

Ana M. Macedo - Pe. Eustáquio

Anônimo disse...

Beatriz,
está na hora de convocar uma assembléia estadual para o dia da próxima rodada de negociação para ver se os professores aceitam este absurdo de proposta e fazer pressão durante a negociação caso os professores não aceitem este esdruxulo plano de carreira.

Anônimo disse...

É o FIM!!! Nada mais se pode dizer. Apagaram-se as últimas luzes. Quem sair por últiumo, por favor, feche a porta. Choro.

Anônimo disse...

Beatriz esse recado é para os colegas desinformados e egoístas:

Lei Nº11.738, de 16/07/2008:

Art. 1o Esta Lei regulamenta o piso salarial profissional nacional para os profissionais do magistério público da educação básica a que se refere a alínea “e” do inciso III do caput do art. 60 do Ato das Disposições Constitucionais Transitórias.

§ 2o Por profissionais do magistério público da educação básica entendem-se aqueles que desempenham as atividades de docência ou as de suporte pedagógico à docência, isto é, direção ou administração, planejamento, inspeção, supervisão, orientação e coordenação educacionais, exercidas no âmbito das unidades escolares de educação básica, em suas diversas etapas e modalidades, com a formação mínima determinada pela legislação federal de diretrizes e bases da educação nacional.


Ano passado governo PSDB fez a mesma coisa... prometeu e não cumpriu! Não deveríamos ter acreditado nele novamente! Estou pronta para entrar de greve amanhã se assim a categoria decidir! O piso é lei agora, e tem que sair na marra! Desde 1993 participo de todas as greves, paralisações, tem várias fotos minhas participando dos atos e assembléias nos jornais e até na "revista" veja, então não venham me falar e generalizar que ATB não entra de greve ok?

Beatriz Deus te abençoe muitooo! Contamos com vc! Bjuuuu
Conceição - ATB

Anônimo disse...

Engraçado. Você defendeu o fim de greve por que tinha um documento assinado onde o governo concordava com o pagamento do piso na carreira?
Que história é esta???
Você que parece tão esperta enganada duas vezes pelo governo? Comissão 2010, nada. comissao 2011, nada.

Anônimo disse...

Anastasia desgraçado

Anônimo disse...

É minha amiga...Só gostaria de saber o que dizem os Senhores deputados...será que foram chamados para participar da mesa de negociação e assistir a essa palhaçada sem fazer nada...ou a maioria deles são capachos do governo?

Anônimo disse...

Beatriz,

Segue uma sugestão para as negociações.


N E G O C I A Ç Õ E S

Façamos uma contra-proposta na próxima reunião.

Exemplo:
Com o Piso Salarial Profissional Nacional, proporcional assegurado.

Escalonamento entre níveis:
12% em 2012;
15% em 2013;
18% em 2014 e,
22% em 2015

Escalonamento entre as letras:
1% em 2012;
2% em 2013 e,
3% em 2014.

Lembrando-os sempre que fizemos a opção pelo regime remuneratório VIGENTE e não por uma nova carreira.

É muito importante também que ofereçamos algumas condições para as negociações.

Com um acordo escalonado para o pagto da progressão entre níveis e letras até 2015, as relações entre a categoria e o Governo ficariam pacificadas por um longo período.

LEMBRANDO-OS SEMPRE QUE, UM ACORDO É BOM PARA TODAS AS PARTES.
AS RELAÇÕES ENTRE A CATEGORIA E O GOVERNO FICARIAM PACIFICADAS POR UM LONGO PERÍODO.

Anônimo disse...

Se essa for a ultima palavra do governo quais a posições vamos tomar de agora em diante ?

Anônimo disse...

É companheira Beatriz, temos muita luta pela frente. E pelo que vejo, tem que ser este ano ainda. Dentro das Escolas ... as adesões serão maiores! Mas, se preciso for, terminemos o ano com GREVE.

Um abraço

Anônimo disse...

A pretensão do governo é não pagar o piso da forma que o sind-ute reinvidica. Essa tabela apresentada é definitiva? Existe possibilidade de voltar a greve? A próxima reunião está marcado para que dia? Será que o governo apenas quis acabar a greve e não estabelecer nenhuma proposta com o sind-ute? O que você pensa em fazer mediante essa situação. Infelizmente temos um governo que não cumpre com as obrigações. Peço por gentileza que não desanime e continue com a luta por cada um de nós.

Anônimo disse...

Leva os documentos assinados pra imprensa e divulga...mostra a cara deste governo sem carater e que desrespeita seu servidor...Quero ver ele fazer isso com as policias? Borra de medo delas.

Anônimo disse...

Beatriz,
Sabíamos que não seria fácil.
A luta continua companheira.
Faça sol ou faça chuva, estamos na luta pelo piso e por dignidade.
Sua garra é nossa esperança na justiça.
Muita fé, força e luz para você e sua família.

Anônimo disse...

Creio que com atitudes como essa desse governador o nosso caminho deve ser o jurídico através do governo federal. Ele só está nos enrolando ganhando tempo.

Carlos disse...

Olha , Beatriz , não é pra desanimar não, mas pelo visto, esse tal Anastácia e seu bando , nunca irá pagar o piso nacional superior ao valor do subsídio, pois a sua cria é vantajosa pra ele.E mais tarde gastarem fortunas em propaganda enganosa( que é um crime, por isso ele devia é responder na cadeia), pra dizer que o subsídio(ele nem sabe pronunciar o nome da cria)paga mais que o piso..

Anônimo disse...

Beatriz,

Segue uma sugestão para as negociações.


N E G O C I A Ç Õ E S

Façamos uma contra-proposta na próxima reunião.

Exemplo:
Com o Piso Salarial Profissional Nacional, proporcional assegurado.

Escalonamento entre níveis:
12% em 2012;
15% em 2013;
18% em 2014 e,
22% em 2015

Escalonamento entre as letras:
1% em 2012;
2% em 2013 e,
3% em 2014.

Lembrando-os sempre que fizemos a opção pelo regime remuneratório VIGENTE e não por uma nova carreira.

É muito importante também que ofereçamos algumas condições para as negociações.

Com um acordo escalonado para o pagto da progressão entre níveis e letras até 2015, as relações entre a categoria e o Governo ficariam pacificadas por um longo período.

LEMBRANDO-OS SEMPRE QUE, UM ACORDO É BOM PARA TODAS AS PARTES.
AS RELAÇÕES ENTRE A CATEGORIA E O GOVERNO FICARIAM PACIFICADAS POR UM LONGO PERÍODO.

Anônimo disse...

Proposta:
. não começar o ano letivo de 2012.
. não aplicar o Simave
. fazer grande manisfesto pelas redes e denunciar o governo Anastasia.

Maria disse...

Juridicamente isto tem amparo legal na lei? Ele pode mudar o nosso plano de carreira a seu bel prazer assim? Precisamos tomar providências legais para impedir este disparate.

Anônimo disse...

É greve!

Maria disse...

Quando fizemos nossa opção foi pela antiga carreira estabelecida no plano de carreira de 2006 e não na nova carreira.Isto é imoral e vergonhoso para o governo não honrar sua palavra.

Fabrício disse...

" Gostaria de saber por que só vai até a letra E."

Anônimo disse...

Só espero não aceitarem esta proposta.

Rita Frugoli disse...

Beatriz, onde está a comissão que viria à pé, provavelmente, de Brasília?
E o STF?
O governo vai mandar e desmandar assim?
E o sindicato vai tomar quais providências, além de sugerir e deflagar a greve?
O que o departamenteo jurídico tem a dizer?
obrigada ( espero que dessa vez me responda )

Rosangela de Aguiar disse...

Está passando da hora de começarmos articular os meios legais para o impeachement deste governador. Ele realmente insiste em não cumprir leis federais e muito menos exercer uma gestão priorizando a Democracia.
O seu discurso nos palanques das Minas Gerais,não passou de mentiras e enganação para,com a ajuda de um político influente,conseguir seu principal objetivo : assumir o cargo de governador.

Anônimo disse...

Bia, que absurdo essa proposta da última reunião com a Comissão Tripartite. Esse governo realmente é difícil de negociar conosco. Algo me chamou atenção no final de sua postagem "O Simave está marcado para novembro, o ano letivo ainda pode não terminar ou não começar...". Isso seria uma ameaça de voltar à greve? É hora de pensarmos nisso mesmo. Um abraço. Continue lutando. Você é uma guerreira! Parabéns! Melhor, nós devemos continuar lutando...

Sueli Vieira disse...

Iniciemos já um movimento pela não aplicação não só do Simave, mas também da Prova Brasil e PAAE.
Isso precisa ser negociado em assembleia imediatamente. Vamos agir também e começar a não cumprir as ordens deste governo...
Não posso usar aqui o termo que me veio à mente.

Cidinha/Jaíba disse...

Com certeza, Bia! Desrespeito e falta de compromisso e de responsabilidade são ações que emperram o desenvolvimento do nosso estado trazendo a ruína para todos os mineiros.
Retomemos a greve! Piso e Carreira são direitos adquiridos com muita luta, suor e lágrimas e ninguém poderá roubar isso de nós!

Anônimo disse...

Boa noite Beatriz.

Isso é imoral. Inaceitável. Absurdo. Revoltante. Inacreditável.
ISSO SÓ ACONTECE EM MINAS.
O sindicato tem de romper com essa comissão tripartite e partir para ações mais contundentes e eficazes.
Quem está motivando essa reação é o próprio governo, que não tem palavra.
CHEGA!

Izabel/Geografia

Anônimo disse...

BIA, AONDE É Q NÓS ESTAMOS? REUNIÃO DA COMISSÃO TRIPARTITE, QUE RIDÍCULO?
A VANTAGEM DE FICAR NO SUBSÍDIO FOI SÓ PARA QUEM NÃO TEM VANTAGEM...

Professor Welshman disse...

Esse é um dos motivos que levam os corruptos a tentar desdruir nossa carreira!

Aécio e Anastasia dois corruptos!.

por Welshman Gustavo Pinheiro Pinheiro, domingo, 31 de Outubro de 2011 às 23:16.

MINISTÉRIO PÚBLICO acusa governo de Minas de desviarR$ 4,3 bilhões da saúde;governador Anastasia e Aécio devem ser denunciados.Sob a grave acusação de desvio de R$ 4,3 bilhões do orçamento do Estado de Minas Gerais e que deveriam ser aplicados na saúde pública, a administração Aécio Neves/Antônio Anastasia (PSDB) – respectivamente ex e atual governador mineiro – terá que explicar à Justiça Estadual qual o destino da bilionária quantia que supostamente teria sido investida em saneamento básico pela Copasa entre 2003 a 2009.Devido à grandeza do rombo e às investigações realizadas pelo Ministério Público Estadual (MPE) desde 2007, por meio das Promotorias Especializadas de Defesa da Saúde e do Patrimônio Público, o escândalo saiu do silêncio imposto à mídia mineira e recentemente foi divulgado até por um jornal de âmbito nacional.Se prevalecer na Justiça o conjunto de irregularidades constatadas pelo MPE na Ação Civil Pública que tramita na 5ª Vara da Fazenda Pública Estadual sob o número 0904382-53.2010 e a denúncia na ação individual contra os responsáveis pelo rombo contra a saúde pública, tanto o ex-governador Aécio Neves, quanto o candidato tucano Antônio Anastasia, o presidente da Copasa, Ricardo Simões, e a contadora geral do Estado poderão ser condenados por improbidade administrativa.Dos R$ 4,3 bilhões desviados, R$ 3,3 bilhões constam da ação do MPE, que são recursos supostamente transferidos pelo governo estadual (maior acionista da Copasa) para investimento em saneamento básico, na rubrica saúde, conforme determina a lei, entre 2003 e 2008.

Como deve estar o andamento desta denúncia?

O desvio acima citado pode ser aplicado na educação!

Anônimo disse...

Que vergonhaaaaaaaaaaaaaaaa!!!

Anônimo disse...

Vamos incentivar nossos filhos, netos e tantos outros para não serem professores!!!

REDEGEOAMBIENTAL disse...

Beatriz, Boa noite. Estava esperando e agora tomo a decisão de continuar na luta. Se tomarmos a decisão de voltar a greve, vamos radicalizar de vez. Faço qualque coisa para desistituir este governo. Podemos começar com um impeachment deste irresponsável. Vamos a luta e se possível a guerra, com certeza não morreremos.

Anônimo disse...

Este governo é muito sacana. Acorda povo mineiro. Vamos tirar este governo do poder. Ele está prejudicando não só os professores mas toda a sociedade mineira e brasileira. Vamos dar um basta neste governo de nada que nem mostra a cara. Vamos para as ruas, fora Anastasia, o povo deu poder a Anastasia, somente o povo pode tirar. Chega! Parecemos burros de cargas, sofremos tanto para cumprir com nossos compromissos, com impostos e o que temos é um governo omisso com os nossos direitos e bens. Minas Gerais é Minas Gerais é rica, é linda, é forte, mas precisa urgentemente de DEMOCRACIA, DE RESPEITO COM OS RECURSOS PÚBLICOS e acima de tudo de respeito para com os mineiros, de respeito para com a educação.
Todos sabem como andam as nossas escolas, precisam é de incentivo, de investimento e não de sarcasmo, indiferença de um governo que se diz... mas que não dá as caras. Anastasia quem é você?

Daniel Rocha disse...

Infelizmente já era de se esperar. Este desgoverno que somente tem política de governo em ação não é honesto e claramente se mostra mais uma vez como canalha e bandido. A solução é voltar para as ruas, nem que seja o grupo de VANGUARDA desta categoria. E estrategicamente detonarcom ações radicalizadas.

Daniel Rocha

REDEGEOAMBIENTAL disse...

Vamos radicalizar. Quero meu piso que este governo autoritário negou.

Anônimo disse...

É Bia, estou cada vez mais convicto de que: ou nós, como categoria, destruímos o PSDB ou esse partido acaba conosco.
TEM QUE SER GUERRA ABERTA E DECLARADA CONTRA ESSE PESSOAL.
NÃO APLICAMOS O SIMAVE,NÃO REPOMOS MAIS NADA E O ANO NÃO ACABA.
É GUERRA CONTRA ESSE POVO.
MURILO MAIA - MONTES CLAROS

Ronan disse...

Boicote ao Simave. E assim que "firmarmos as pernas", greve de novo! Vamos até a Copa com a greve. E já podíamos avisar isso ao Banco Mundial, onde os facínoras vão buscar dinheiro dizendo que é para a educação.

Alexandre disse...

Prezada Beatriz Cerqueira e sindicalistas, que lutam em prol da categoria dos professores,

Sou um professor designado (recém-formado, 2010), participei da greve 2011 até o limite da minha condição, ou seja, até a finalização do meu contrato (FP de 2 meses, com 29 dias de FALTAS), passei o período das férias sem contrato e retornei um mês antes da suspensão da greve na substituição de LS de uma professora, mas mesmo na condição difícil, pois não sou efetivado, nem nomeado, nem designado com vinculo, sempre fui favorável ao movimento fazendo conscientização com alunos e trabalhadores acerca da greve dos professores (necessidades, objetivos, causas, ineficiência política). Sei que a valorização do professorado tem impacto na melhoria da educação. Maus profissionais têm em todas as áreas, como também na educação, mas nossa área é privilegiada, pois tem, na maioria de seu quadro, profissionais qualificados e comprometidos, pois com todas as adversidades do "sistema" ficar na educação hoje no Brasil são apenas guerreiros, pessoas éticas e dignas e que acreditam no potencial transformador da educação e que tem paixão pelo exercício de ensinar, falo isso sempre com os alunos. Defendo sempre a categoria e as mobilizações, principalmente problematizando os sensos-comuns pertinentes em falas e discursos que pregam a desmoralização do movimento, do pessoal grevista, a desqualificação dos envolvidos e manipulação política dos objetivos; sempre reiterando a idéia que é apenas uma categoria unida, e com consciência crítica da sua realidade, consegue explanar de forma eficiente e eficaz, ações sociais e políticas que consigam transformar a ordem das coisas, trazer a melhoria para todos. Por isso acho que o professorado não deve agora abaixar a cabeça e ver sua autodestruição, mas reerguer o peito guerreiro que enfrentou 112 dias de percalços e contrariedades e articular uma ação direta e precisa, que não deixe alternativas, pois se luta aqui contra um governo que se diz democrático, que utiliza-se do jargão de estar aberto a negociação, mas reconhecendo a situação das coisas, o que levou a tal processo e sabendo suas condições (jurídicas e de finanças públicas) não deixa de fazer suas picardias autoritária e totalitárias, não mostrando bom-senso, apenas despreparo em estratégias políticas em lidar com as demandas sociais e a administração dos recursos (já que mancha o símbolo do partido, pois que candidato, em são consciência, deixa uma categoria, seja ela qual for, mais de 100 dias de greve? ainda sem resolver a situação de forma efetiva e eficaz?)
Portanto, parabenizo o movimento pelos esforços constantes, Beatriz Cerqueira e os demais colegas, reconheço a dificuldade em tentar lidar com um governo restrito, mas não podemos achar que perdemos e que a história terminou. Temos que agora rearticular o movimento pela VALORIZAÇÃO DO PROFESSORADO E DA CARREIRA DOS PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO!!!! LUTA PELO CUMPRIMENTO DA LEI DO PISO SALARIAL DOS PROFESSORES!!!!

QUE GOVERNO É BOM, isso é questão de quem diz, para quem diz, onde diz; e também, todo governo tem que prestar contas, uma coisa é certa: MELHORAR TODOS QUEREM, MAS RESOLVER NINGUÉM QUER!!!! LUTA PELO PISO SALARIAL DIGNO E PLENO!!!!! Com 785,00 o Governo destrói a profissão, quem com curso superior vai se submeter? Já são poucos que mesmo com o imediatismo do subsídio já se submetem, por exemplo, da minha turma de Licenciatura Plena de 2006, de 80 alunos, apenas 2 (DOIS) estão em sala de aula, que ainda acreditam na educação e lutam e reivindicam seus direitos, pois seus deveres já cumprem, não como o GOVERNO, fora-da-lei, que esqueceu que tem DEVERES!!!!!

Minha sugestão: UNIÃO, CONSCIENTIZAÇÃO DA SITUAÇÃO (desnudar a realidade das coisas, acabar com os sensos-comuns e os papos de surdo-cego-mudo de uma mídia omissa, comprada e comprometida com valores dominantes e alienação geral e de setores públicos submissos, pois não cumprir uma lei é crime!!!) e MOBILIZAÇÃO PARA UM MOVIMENTO DE GREVE POR TEMPO INDETERMINADO......

31 de outubro, Uberlândia, MG.

Professor Welshman disse...

Uma aluna de BH - Juliana Silva -, terminando Geografia, postou e com pertinência:

70 milhões reservados para publicidade do governo de Minas em 2011, foram investidos, até o início desse mês, R$ 53 milhões. Apesar dos grandes valores movimentados, é difícil saber como a verba foi utilizada, pois a informação não está disponível no Portal da Transparência do Estado.

http://rudaricci.blogspot.com/2011/10/minas-gerais-sem-transparencia.html?spref=fb

Anônimo disse...

cada dia eu sinto que minha profissão é uma merda!!!! lê isso agora, depois de dar aula em uma sala lotada e com alunos que não querem nada...dá uma vontade de sair por aí ..fazendo besteira!! como pode um profissional com doutorado não ganhar nem 1000 reais de piso!! quanto descaso...eu sinceramente mesmo ganhando essa miséria não aguento mais ouvir falar em greve!!e olha que fiquei os 112 dias para nada...infelizmente estes filhos de uma boa mãe é quem faz as regras...lutar contra isso está dificil...

Anônimo disse...

eu também sou um recém-formado que acredita na educação, sou designado e sou a favor de outra mobilização, vou conscientizar o pessoal novato, em início de carreira, nós não podemos aceitar tamanho desrespeito.

paz para todos neste momento de enfrentamentos e desafios.

Anônimo disse...

Indignação não traduz o que senti ao ver a tabela apresentada. Beatriz, eu te admiro,e acredito em voce a frente das negociações.muita luz, voce vai precisar.maria lucia

Márcia Gomides disse...

E agora, minha querida e guerreira representante Bea?
O que será feito contra esta corja nojenta do PSDB? Contra Danilo de Castro que se permite o papel de representante do Azia?
Aguardo resposta!

LEIA: Liberta Minas NDG disse...

"A greve, no fundo,
é a linguagem dos que
não são ouvidos."
(Martin Luther King)

VERGONHA NACIONAL !
Depois de LER isso: "Blog da Beatriz Cerqueira
"A DESTRUIÇÃO DA CARREIRA" o que penso é:
-Isso é uma "velgonha", cada povo tem o governo que merece! Copa do MUNDO?! Educação de fim do mundo... miséria, miséria, miséria.

Gleiferson Crow
LEIA: Liberta Minas NDG
http://leialibertaminasndg.blogspot.com/2011/10/4a-reuniao-da-comissao-tripartite.html

westerley disse...

Olá Beatriz,

Publique se achar conveniente.

Novamente peço desculpas por não ter conseguido ir à reunião. Segue as propostas que iria fazer.

Obs: enviei relação dos emails dos parlamentares para o seu blog (em partes) e só foram publicadas 2 partes.

Propostas:

Insisto. A balança da negociação só penderá a nosso favor se a categoria estiver alerta e mobilizada com o governo sob pressão.

Sugestões para permanecer alerta:

1- Comunicação avaliativa e constante com a categoria.

2- Intensificar reuniões do comando. (que podem ser setoriais, em cada região, enviando e centralizando os resultados na sede que levará para plenária geral em reuniões gerais, conjuntas do comando). Em outras palavras; daqui em diante as reuniões do comando não podem ser muito distantes uma da outra. Para manter o comando ativo e pressionando.

3 – solicitar aos professores que participam do seu blog para multiplicarem/replicarem as informações aos demais professores conhecidos por e-mails.

Categoria Mobilizada:

1 – Realizar assembléias (de vigília) para acompanhar e apoiar o Sindicato nos dias de mesa. Paralisações de alerta.
2 – Realizar passeatas periódicas de protesto.
3 – Campanha intensiva/diária na internet de esclarecimento e solicitação de apoio. (comentários, vídeos, textos, pesquisas, relatos etc...) pelos professores e alunos.

Manter o governo sob pressão:

1- Comunicados intensivos/diários aos parlamentares. (pelos professores e Alunos).
2- Construir novas mesas de negociações e/ou conversações paralelas. (com deputados da Câmara, Senadores, formadores de opinião, comissão mista de defesa dos professores, sindicatos colaboradores etc...).
3- Solicitar espaço para comunicação nas universidades para alunos de Pedagogia e Licenciatura. ( Espaço já construído e aguardando retorno do sindicato).
4- Organizar ações coletivas (em avalanche) contra o governo na justiça em todas as esferas.
5 – Veicular propaganda na televisão esclarecendo a população sobre a proposta absurda do governo, e alertar para a possibilidade de continuidade da Greve.


Aguardo resposta.

Anônimo disse...

fui olhar meu contracheque agora meu salário este mês será de R$:37,00..( todos os descontos relativos a greve) 4 mês seguido de corte, sendo que mês passado tive a folha zerada.

Anônimo disse...

MARY -Ipatinga
Beatriz,não dá mais p aguentar tanta falta de respeito com seres humanos.
Muitos prof estão afastados por depressão causada pelo sistema e n pelo seviço.Meu DEUS q país é esse,sem lei.Peguei meu contra cheque agora e na mesma situação funcional,porém com 250 reais a menos q dezembro.Temos q fazer algo urgente,mesmo sob risco de passarmos fome,mas com dignidade.Esse homem é louco,não tem outra definição.Temos q agir na mesma proporção.Pois c ele n tem lei,ética,justiça,igualdade.

Professor Luiz Jr disse...

O governo lançou os valores no contra-cheque de reposição. No entanto, na coluna descontos retirou, de forma, parcelada (Falta-greve Aulas+ Falta-greve Exig). Ou seja, lançou porém descontou do outro lado. Não repôs nada ainda.
Não nos paga o que reteve. Cancelou convênio de Saúde. Nós estamos repondo sem receber. Não pagou o Prêmio de Produtividade (2010). Estamos vivenciando uma situação absurda.
A categoria está indignada se bem coordenada pode mobilizar-se e inviabilizar a Educação neste ano ainda.
Temos que criar novas táticas de luta. Paremos de novo para analisar e deliberar novas ações. Ninguém nos apoia(rá) todas as instâncias dos governos em nosso país estão corrompidas e comprometidas com interesses excusos. Este relato é apenas uma pequena contribuição para reflexão. Esta situação se não enfrentada de forma contundente pode levar a um processo de síndromes doentias coletivas dos trabalhadores da Educação. Existem Leis que não se aplicam e nada acontece. A Lei da Carreira está aprovada e o governo não cumpre; assim, também não deve poder modificá-la. Acionar a Justiça e o Governo Federal para intervir...

Eduardo disse...

É clara a intenção do governo em retirar a autoridade do sindicato,ou melhor, destruir o que foi construído por nós. Em todas as orientações feitas à categoria pelo sind-ute o governo joga contra, não arredando pé para não se mostrar concedendo direitos que ele alega não existirem.Fica evidente o projeto de desconstrução não só da carreira, mas das lideranças sindicais. O que faremos?

Eduardo disse...

Um exemplo do que o governo desautorizou a fala do sindicato:
"No que se refere ao salário, o salário do mês de novembro será pago normalmente, sem qualquer desconto", não foi o que aconteceu tive mais da metade do meu salário descontado com falta greve.O que fazer?

Paulo disse...

A proposta do governo é infame chega a ser pornográfica.
Gostaria de saber se haverá outra reunião com o governo? E se esta é a proposta final encerrando o dialogo com o sindicato.

Anônimo disse...

Caros companheiros(as)
Precisamos rever urgentemente nossos conceitos sobre representantes do povo, MG está virando palco de "Odoricos Paraguaçu".
Não podemos ter memória fraca.
Nós somos trabalhadores que produzimos, precisamos de representantes que saibam administrar o que é nosso.

Pacífico Souto disse...

Esse governo é de fato um cretino (desculpe-me a expressão) fora da lei. Olhei hoje o meu contrachque e fiquei horrorizado com a falta de respeito e com o fato de subestimar a nossa inteligência. Ele fez o pagamento de algumas faltas greve e logo abaixo fez um desconto ainda mairo. Tive "somente" R$ 2851 de desconto em meu contracheque, tendo a receber 1/4 de valor, mesmo já tendo reposto parcela significativa das aulas dos 112 dias greve. O retorno à greve é a solução.

Anônimo disse...

Havia entendido que o acordo com o governo, relativo ao pagamento deste mês, representaria o pagamento efetivo do salário, todavia o meu contra-cheque e de outros colegas chegaram zerados ou próximo disso. Mais um mês de sofrimento.

Geralda de Lourdes Rocha Pereira disse...

Estou simplesmente chocada. Sem palavras. Há anos venho assistindo à destruição da nossa carreira. Penso que se não há negociação, e o piso salarial é lei. Devemos entrar na justiça.
Há muito as negociações com o governo são nesse nível, isso deixa claro que a nossa luta é necessária e que nossa união é imprescindível.

Márcio disse...

É a verdadeira destruição da carreira.

Sugestão para uma boa aula de matemática:


AULA DE MATEMÁTICA

Hoje vou brincar de professor de matemática. Vou passar alguns problemas para vocês resolverem.


Problema nº1

Um professor trabalha 5 horas diárias, 5 salas com 40 alunos cada. Quantos alunos ele atenderá por dia?

Resposta: 200 alunos dia.

Se considerarmos 22 dias úteis. Quantos alunos ele atenderá por Mês?

Resposta: 4.400 alunos por mês.
Consideremos que nenhum aluno faltou (hahaha) e, que em cada um deles, resolveram pagar ao professor com o dinheiro da pipoca do lanche: 0,80 centavos, diárias. Quanto é a fatura do professor por dia?

R: 160,00 reais diários

Se considerarmos 22 dias úteis. Quanto é faturamento mensal do mesmo professor?

R: Final do mês ele terá a faturado R$ 3.520,00.


Problema nº2

O piso salarial é 1.187 reais, para o professor atender 4.400 alunos mensais. Quanto o professor fatura por cada atendimento?

Resposta: aproximadamente R$0,27 mensais

(vixe, vale menos que o pacote de pipoca)... continuando os exercícios...

Problema nº3

Um professor de padrão de vida simples,solteiro e numa cidade do interior, em atividade, tem as seguintes despesas mensais fixas e variáveis :

Sindicato: R$12,00reais

Aluguel: R$350,00reais ( pra não viver confortável)

Agua/energia elétrica: R$100,00 reais (usando o mínimo)

Acesso à internet: R$60,00 reais

Telefone: R$30,00 reais (com restrições de ligações)

Instituto de previdência: R$150,00 reais

Cesta básica: R$500,00 reais

Transporte: sem dinheiro

Roupas: promocionais

Quanto um professor gasta em um mês?

Total das despesas: R$1202,00

Qual o saldo mensal de um professor?

Saldo mensal: R$1.187,00 - R$1.202= -15 reais, passando necessidades


Agora eu te pergunto:
- Que dinheiro o professor terá para seu fim de semana?
- Quanto o professor poderá gastar com estudos, livros, revistas, etc.
- Quanto vale o trabalho de um professor??
- Isso é bom para o aluno???
- Isso é bom para a educação pública do Brasil??

Agora olhem a pérola que o Sr. Governador do Ceará disse:

" Quem quiser dar aula faça isso por gosto, e não pelo salário.
Se quiser ganhar melhor, peça demissão e vá para o ensino privado "

Cid Gomes - Governador do Ceará

SE VOCÊ ACHA QUE NOSSO GOVERNADOR DEVE ABRIR MÃO DE SEU SALÁRIO E GOVERNAR POR AMOR, PASSE PARA A FRENTE!.

CAMPANHA
"Cid, doe seu SALÁRIO e governe por AMOR !"

Anônimo disse...

Falar que isto é comissão de negociação??? Nada foi negociado e sim informado pelo governo.
Fiz greve por 112 dias, 4 meses com pagamento cortado e agora vou receber em janeiro de 2012 menos que dezembro de 2010.
A comissão enganou a categoria quando falou que a greve tinha que termiar por que o governo aceitou o pagamento do piso na carreira.

Anônimo disse...

Que me desculpem todos ai, já era mais que previsto que esse governo iria fazer isso!!! É muita ingenuidade acreditar neste povo sem nenhum tipo de escrúpulos. Parecemos a Chapeuzinho acreditando no Lobo Mau. É hora de levantar de novo e voltar pro campo de batalha. Boicotar SIMAVE é só uma das ações, mas acho que se não der mais pra retornar a greve, que seja pelo menos interrompida a reposição. Precisamos ter alguma arma pra negociar. Porque papel de otários, palhaços e retardados não merecemos fazer. É revoltante, não há palavras cabíveis ao momento, que não fossem palavras de baixo nível. Pra quem não cumpre lei, polícia, se a polícia não der jeito, façamos justiça com as próprias mãos. Se nós deixarmos passar esse momento histórico vamos sim exterminar de vez a profissão de professor. Não existirá nenhum jovem capaz e inteligente que vá querer ingressar nesta carreira. Somente os incompetentes e fracos, por falta de opção, deverão fazê-lo. #FAÇAMOS UM MANIFESTO JÁ, VOLTEMOS PRA RUA, CHAMEMOS OS PAIS PARA NOSSO LADO. TIREM ESSE LIXO , ESSA ESCÓRIA DO GOVERNO JÁ!!!

Anônimo disse...

Nas carreiras do SUBSÍDIO, o próprio governo de MG, considera as 8 carreiras, PORTANTO, para o PISO FEDERAL ele também tem que considerar as 8 CARREIRAS. Coerência, justiça e prudência.
O sindicato tem que questionar isso......
.
.
O final do ano está aí...a Assembléia vai entrar em recesso....e nenhuma lei será votada.....ou seja......2012....sem PISO....

Anônimo disse...

Nas carreiras do SUBSÍDIO, o próprio governo de MG, considera as 8 carreiras, PORTANTO, para o PISO FEDERAL ele também tem que considerar as 8 CARREIRAS. Coerência, justiça e prudência.
O sindicato tem que questionar isso......
.
.
O final do ano está aí...a Assembléia vai entrar em recesso....e nenhuma lei será votada.....ou seja......2012....sem PISO....

rogersteves disse...

Que absurdo esta tabela... ainda pior o não reconhecimento das outras categorias da educação... mas o melhor mesmo e quando a Beatriz fala que ainda tem avaliação para este ano e que o ano letivo ainda não terminou, já que podemos tomar algumas atitutes, pq a greve não está dando aquele resultado esperado... tá osso negociar com esta cara, vai chegar um momento que vou apenas cumprir meu horário e receber o salário que mereço...

Anônimo disse...

beatriz,
Esperar alguma dignidade deste governo é sonho. Acho que não devemos deixar o Simave acontecer e mostrar que a categoria, apesar da greve ter sido suspensa, ainda tem voz e aí o desgaste dele vai ser imenso. Convoque uma assembléia geral e vamos ver o que a categoria vota. Acho que ele vai se surpreender.
Força e Deus te ilumine. Tem agenda para nova reunião da comissão tripartite?
Cris

Continuamos sem salário! disse...

Meu contracheque:

Nº ADM

TR

DESCRIÇÃO

PARCELA

VANTAGENS

DESCONTOS

01
01
01
01
01
01
01
01
01
01
01
01
01
01

N
N
N
N
N
N
N
N
N
N
N
A
A
A

AULAS OBRIG. EFETIVO
GRAT.INCENT.DOCENCIA
RESTIT. FALTAS GREVE
VENC.BASICO PROPORC.
GRAT.INC.DOC-BIENIO
VANTAG. TEMP.INCORP.
ADICIONAL DESEMPENHO
PARC.COMPL.REM.MAGIS
FALTAS - GREVE AULAS
FALTAS - GREVE EXIG.
CONT. PREV. LC 64/02
FALTAS - GREVE ATRAS
FALTAS - GREVE ATRAS
CONT PREV LC64 ATRAS














567,04
124,96
848,93
57,75
31,24
88,01
32,21
105,98















744,53
104,40
104,12
415,20
113,88
77,85

TR (TIPO DE REFERÊNCIA):
  N = NORMAL
  A = ATRASADO
  R = RESTITUIÇÃO
    
TOTAL  DE  VANTAGENS  

  1.856,12

 
TOTAL  DE  DESCONTOS  

 

1.559,98

LÍQUIDO  A  RECEBER  

  296,14


Que é isso?? Paga e desconta de novo?
E que falta greve atrasada é essa?

Tenha dó, Bia!
Continuamos sem receber nada e ainda somos obrigados a repor???
Chega disso!
Vamos fazer greve de novo JÁ!!

Anônimo disse...

beatriz ja passou da ora de por esse governo na justiça, nimguem aguenta mais essa enrolação. VAMOS POR ELE NO LUGAR QUE ELE MERECE;

Luis disse...

Beatriz! Parabéns pelo trabalho a frente do nosso sindicato.Fiquei indignado com o resultado desta última reunião com esse "governo sem compromisso com a Educação".Enfim,porque o SINDUTE-MG não entra com uma ação direta no STF, em Brasília,pedindo aquela corte que se faça cumprir a lei do piso.E onde está o ministro Haddad que se colocou a disposição para intermediar o pagamento piso em Minas e em todo território nacioal?Me responda! Para que serviu o beliíssimo documento da CONAE 2010,onde a sociedade brasileira e todos os msegmentos da Eucação deste país elaborado por mais de 5 mil delegados de todo território brasileiro,num debate que se iniciou nas bases de todos municípios do Brasil.Para que conferência,inclusive com a participação de Haddad e Lula,então,presidente do Brasil na ocasião...Vão rasgar o documnto? Engavetar? Fingir que tudo pareceu ser sério,após 1 ano de debates, até sua aprovação na capital federal...Porque não entrar com uma ação direta no STF? Todos sabemos que ministérios públicos de Estados são de "Estados",então o resultado já podemos prever!Por favor acionem imediatamente o STF.Pior!Ao voltarmos para carreira antiga como recomendado pelo sindicato, estamos sendo prejudicados com diminuição de salário,o que deveria ser considerado inconstitucional.Também,seria necessário que o nosso sindicato acionasse o departamento jurídico para que fosse imppetrada uma ação contra mais esse absurdo do "DESGOVERNO DO SENHOR ANASTASIA".Beatriz!Não podemos esperar até janeiro do próximo ano,quando o salário mínimo aumentará para mais de 600 reais e o nosso se diluirá mais uma vez com o descaso da classe política brasileira em relação aos Educadores deste país!!!!!!!!!!!!!!!! VAMOS AGIR EM BRASÍLIA URGENTE!!!!! NÃO DÀ MAIS PARA SUPORTAR!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Ricardo Falcão disse...

Beatriz, só um velho poema para traduzir o que sinto.
No Caminho, com Maiakóvski
Eduardo Alves da Costa

Assim como a criança
humildemente afaga a imagem do herói,
assim me aproximo de ti, Maiakóvski.
Não importa o que me possa acontecer
por andar ombro a ombro com um poeta soviético.
Lendo teus versos, aprendi a ter coragem.
Tu sabes,
conheces melhor do que eu a velha história.
Na primeira noite eles se aproximam
e roubam uma flor do nosso jardim.
E não dizemos nada.
Na segunda noite, já não se escondem:
pisam as flores, matam nosso cão,
e não dizemos nada.
Até que um dia, o mais frágil deles
entra sozinho em nossa casa,
rouba-nos a luz, e,
conhecendo nosso medo,
arranca-nos a voz da garganta.
E já não podemos dizer nada.
Nos dias que correm
a ninguém é dado repousar a cabeça
alheia ao terror.
Os humildes baixam a cerviz;
e nós, que não temos pacto algum
com os senhores do mundo,
por temor nos calamos.
No silêncio de me quarto
a ousadia me afogueia as faces
e eu fantasio um levante;
mas manhã,
diante do juiz,
talvez meus lábios
calem a verdade
como um foco de germes
capaz de me destruir.
Olho ao redor
e o que vejo
e acabo por repetir
são mentiras.
Mal sabe a criança dizer mãe
e a propaganda lhe destrói a consciência.
A mim, quase me arrastam
pela gola do paletó
à porta do templo
e me pedem que aguarde
até que a Democracia
se digne aparecer no balcão.
Mas eu sei,
porque não estou amedrontado
a ponto de cegar, que ela tem uma espada
a lhe espetar as costelas
e o riso que nos mostra
é uma tênue cortina
lançada sobre os arsenais.
Vamos ao campo
e não os vemos ao nosso lado,
no plantio.
Mas ao tempo da colheita
lá estão
e acabam por nos roubar
até o último grão de trigo.
Dizem-nos que de nós emana o poder
mas sempre o temos contra nós.
Dizem-nos que é preciso
defender nossos lares
mas se nos rebelamos contra a opressão
é sobre nós que marcham os soldados.
E por temor eu me calo,
por temor aceito a condição
de falso democrata
e rotulo meus gestos
com a palavra liberdade,
procurando, num sorriso,
esconder minha dor
diante de meus superiores.
Mas dentro de mim,
com a potência de um milhão de vozes,
o coração grita - MENTIRA!

Anônimo disse...

vergonha desse jeito não dá vamos fazer a copa com nosso suor e sangue, vamos arrebentar esse governo, onde anda a isonomia e a justiça desse pais, até quando temos que mendigar esse salário de fome, porque ele não corta do executivo, a greve de 2014, será a maior da história se ele não fizer nada neste momento o povo esta indgnado.subsídio não é salário.

Blog do Valter disse...

GREVE JÁ
GREVE JÁ
GREVE JÁ
GREVE JÁ
GREVE JÁ
Esta é a resposta que devemos dar a esta proposta que mais parece um chute no estomago dos professores.
Não devemos deixar o movimento esfriar. Não devemos nos esquecer da memoria fraca de nossos compatriotas e esperar o meio do ano que vem para fazer outra greve.
Por isso quero lançar aqui o Movimento NOVA GREVE JÁ - O DIÁLOGO FRACASSOU.

Anônimo disse...

Estas reuniões acabam por nos frustar, criamos expectativas, e nada muda, estamos sem aumento de salario, sem premio de produtividade e muita conversa.

Samuel disse...

Beatriz, haverá novas reuniões, en caso positivo tem data marcada ou foi a palavra final do governo. Tenho a impressão que o governo quer criar um desgaste não entra neste jogo. defini o que queremos e pronto. Espere apenas uma contra proposta no minimo decente.

Anônimo disse...

Bia estamos com você e o sindutemg para o que precisar. Força. A luta ainda não terminou. Que Deus lhes abençõe.

Anônimo disse...

Beatriz,

Envieir a mensagem abaixo para alguns deputados e para alguns colegas de profissão.
Fiquei muito assustado pelo fato do próprio Danilo de Castro ter representado o governo assinando o acordo que nos colocou na sala de aula vir, agora, com uma nova proposta. Coisa horrível. Não dá para acreditar nesse DESGOVERNO.

Senhores Deputados,
A reunião de ontem, 31/10, na Cidade Administrativa, revelou, novamente, o descaso do governo mineiro para com a Educação dos menos favorecidos e seus bravos professores, AQUELES QUE ACREDITARAM NO DOCUMENTO ASSINADO NO FINAL DO MÊS DE SETEMBRO, QUANDO VOLTAMOS PARA SALA DE AULA ESPERANDO QUE O GOVERNO PAGASSE O PISO NACIONAL NA CARREIRA QUE ELE PRÓPRIO CRIARA EM 2004.
Mais uma vez fomos enganados.
Abaixo, um trecho do texto de um colega professor mostrando-se indignado com a proposta que o governo nos fez ontem:
“...Resumindo, o que na prática se verificou, é de simples entendimento: o governo rasgou o próprio plano de carreira que ele fizera aprovar em 2004, ao tempo em que, até os dias atuais, o vencimento básico dos educadores era (é) mantido com valores abaixo da crítica: R$ 369,00 para o professor com ensino médio, e R$ 550,00 para o professor com ensino superior. Enquanto prevalecera estes ridículos valores, o governo não se preocupou em alterar o plano de carreira dos educadores. Mas, no momento em que é aprovada uma lei federal, instituindo um piso salarial nacional enquanto vencimento básico - o que garante um valor menos medíocre para os vencimentos básicos dos educadores -, o governo agora quer mexer nas regras e percentuais. Aumentam-se os valores dos salários base iniciais, mas, em contrapartida, o governo tenta reduzir os percentuais de promoção e progressão, o que torna nulo o efeito prático da lei do piso, criada para a valorização dos educadores”.
Não estamos dispostos a acreditarmos mais em documentos assinados pelo governo. O que acontece em Minas com os professores é um absurdo. Não vimos nada disso acontecer com os policiais, por exemplo. Será que o Estado não precisa dos trabalhos dos professores?
Acho que a campanha não é apenas paralisação. É muito mais que isso: Talvez seja mostrar para todos os estudantes, principalmente os universitários que estão fazendo licenciatura, mostrar-lhe que não terão a mínima chance na carreira que irão abraçar, se um servente de pedreiro, ganha mais que nós, conforme disse um motorista de um deputado por ocasião da última greve.
Essa é nossa triste realidade, depois de 23 anos de serviços prestados ao Estado e termos feito Pós-Graduação com todo sacrifício. ( R$ 824,00 ) é tudo que me ofereceram ontem. (E PASMEM: PARA FEVEREIRO DO ANO QUE VEM!)

Professor de Matemática Antonio Jerônimo Neto.
Belo Horizonte, 01 de novembro de 2011.

Anônimo disse...

Chamada geral para continuar a GREVE,esperar o quê mais.Greve e greve...

Anônimo disse...

Penso que ja deveria ser greve já. chega de tanta gracinha
nnguem é capacho do governo não

Anônimo disse...

vamos voltar pra greve gente, ta fazendo o que???

Anônimo disse...

Bia,
Eu sei que não adianta escrever. Você não posta as minhas mensagens. Entretanto, pelo amor de Deus, eu lhe peço, me responda: você ainda vê uma luz no fim do túnel? O jurídico do SIND UTE vai agir? Quais são as expectativas? Essa última reunião foi definitiva? Precisamos de uma palavra sua. Estamos todos em polvorosa e no pior sentido da palavra.
Tanta propaganda pela não opção do subsídio!!! E, agora, essa situação horrorosa, calamitosa.
Por favor, escreva alguma coisa boa para nós.
Eu e mais 152 mil e 999 pessoas.
Obrigada(s).

Vicente nolasco - ouro preto disse...

É realmente lamentavel a postura deste governo conosco, mas já tem outra reunião agendada da comissão tripartite?

Anônimo disse...

Beatriz, é de desanimar, não é?! Porém, força e luz para você.
Dê uma lida no comentário que o anônimo das 07:50 do 1º/11 faz intitulado "Jogando o jogo". Seria interessante uma contraproposta exequível até 2015. Abraços.
Selma Machado - Oliveira

Beth profª. disse...

Oi Bia,não tenho nem o que dizer diante do que acabei de ler.Acredito que acima de tudo temos que traçar estrategias urgentes para salvar a nossa carreira.Sabe,pelo o que eu entendi, o nosso vencimento deste mes viria sem descontos de falta greve, não foi esse o acordo?Pois não foi o que aconteceu comigo,tive quase R$300,00 de desconto de falta greve ATRASADA.Me explique,por favor o que vem a ser isso.E o que vamos fazer?Abraços,profª Beth de Francisco Sá.

Rafael Assis disse...

Greves consideradas ilegais, falta de atendimento no IPSEMG para e bloqueio no crédito consignado grevistas e lei negligenciadas.
Infelizmente vivemos nessa ditadura veleda... Não há o que fazer...

Educadora de Jequitibá disse...

Beatriz,
Que tal fazer para o governo a contraproposta abaixo sugerida por um colega?

No nível:
12% em 2012
15% em 2013
18% em 2014
22% em 2015

No grau:
1% em 2012
2% em 2013
3% em 2014

Assim até que daria para negociar e seria uma opção para o tal escalonamento que o governo disse no dia 27/09.
Mas precisamos de ter clareza sobre dois pontos muito importantes:
-a manutenção dos benefícios já adquiridos como biênios, quinquênios, pó de giz, gratificação por pós, etc.
-o valor proporcional do piso deverá ser reajustado a cada ano de acordo com o valor do MEC, a começar em Janeiro de 2012.

O que você acha?
Que Deus continue te iluminando e te dando forças. Confiamos em você. Abraços!

Anônimo disse...

Beatriz, encontrei esta proposta de negociação no blog da cris, é de um anônimo,é interessante e condiz um pouco com o acordo firmado: N E G O C I A Ç Õ E S

Façamos uma contra-proposta na próxima reunião.

Exemplo:
Com o Piso Salarial Profissional Nacional, proporcional assegurado.

Escalonamento entre níveis:
12% em 2012;
15% em 2013;
18% em 2014 e,
22% em 2015

Escalonamento entre as letras:
1% em 2012;
2% em 2013 e,
3% em 2014.

Lembrando-os sempre que fizemos a opção pelo regime remuneratório VIGENTE e não por uma nova carreira.

É muito importante também que ofereçamos algumas condições para as negociações.

Com um acordo escalonado para o pagto da progressão entre níveis e letras até 2015, as relações entre a categoria e o Governo ficariam pacificadas por um longo período.

LEMBRANDO-OS SEMPRE QUE, UM ACORDO É BOM PARA TODAS AS PARTES.
AS RELAÇÕES ENTRE A CATEGORIA E O GOVERNO FICARIAM PACIFICADAS POR UM LONGO PERÍODO.
31 de outubro de 2011 22:08

Eudes de Souza disse...

Beatriz, eu nunca acreditei neste governo, tanto é que não fiz e não farei nenhuma reposição e penso que, se o governo acha que somos otários, a categoria devia interromper as reposições e o sindicato deveria convocar todos para uma assembleia geral com paralisação total das atividades,com urgência.

Anônimo disse...

lero lero estou cheio.......vamos por fim na situação.....fechamos todas as escolas de imediato...GREVE GREVE GREVE GREVE GREVE

Anônimo disse...

Olá. E ninguém contestou a proposta do governo? Qual foi a reação dos deputados? A proposta já foi encerrada e aceita? A proposta será encaminhada à ALMG e incluída no famigerado Projeto de Lei 2355/2011? E agora, como serão as discussões da Comissão daqui pra frente (foram finalizadas, ficou marcada nova reunião?)?
Favor informar mais sobre a reunião de 31/10 e como foi finalizada... (está meio confuso).
Obrigada!

Anônimo disse...

Até quando continuaremos permitindo tantas perdas????????????
Diferença de nível cair de 22 pra 5%,é demais pra mim...
Perdi salários que nem sabemos se vamos receber(assim como aconteceu em 2003),apesar da reposição...Férias prêmio,sábados até o final do ano e mais e mais...

Ana disse...

SÓ TEMOS DEVERES? NENHUM DIREITO? NA REUNIÃO COM A MINHA DIRETORA FICOU BEM CLARO ISSO. NÃO POSSO E NÃO QUERO REPOR NAS MINHAS FÉRIAS. ELA FALOU QUE 5 FALTAS VAMOS RESPONDER PROCESSO ADMINISTRATIVO.
MEU CONTRACHEQUE TEM TANTO DESCONTO... CHEGOU A 2727,OO. VOU RECEBER 201,13. E AINDA TEM MENSAGEM DIZENDO QUE SERÁ DESCONTADO EM DEZEMBRO E JANEIRO. NÃO ENTENDI! NINGUÉM ENTENDEU! VAMOS FICAR SEM ENTENDER TBM? QUERO MEUS DIREITO NOVAMENTE! FÉRIAS EM JANEIRO, FÉRIAS PRÊMIO, DIREITO DE ESCOLHA EM REPOR (JÁ QUE FOMOS PRA LÁ DE DESCONTADOS), DIFERENÇA DO SALÁRIO QUE FOI CONFISCADO E NOSSO PISO AGORA! PÕE O JURÍDICO PRA TRABALHAR! ELES PRECISAM TRABALHAR TODOS OS DIAS DE MANHÃ E DE TARDE. POIS TENHO FOLGA APENAS SEGUNDA PELA MANHÃ E ELES NÃO TRABALHAM. NINGUÉM SABE INFORMAR NADA. TÁ DIFÍCIL! QUEREMOS RESPOSTAS E NÃO TEMOS NENHUMA.NEM A INSPETORA SABE. MANDA PERGUNTAR PARA O SINDICATO. CADÊ NOSSAS FÉRIAS? 30=7? VAMOS TER 7 DIAS DE FÉRIAS? NÃO ACEITO!!!

Ana Paula disse...

VAMOS RECEBER NADA? PRA RIR OU CHORAR?

Rosemary disse...

Notícia triste. O momento é de indignação.Somos verdadeiros guerreiros.A luta não acaba aqui.
Abaços

Anônimo disse...

CRÔNICA DE UMA EXTINÇÃO ANUNCIADA

Desde que o mundo é mundo o conhecimento é transmitido de geração em geração, todo ser vivente tem em sua essência a capacidade de manter vivas as culturas e toda forma de saber existente em sua comunidade.
É fato que todo ser humano é por si só um professor, não existe quem saiba tudo e muito menos quem não saiba nada. Toda relação é uma troca de conhecimento onde existe sempre um aprendizado mútuo.
É dessa relação que surge uma profissão, que por si só tomou proporções enormes e se tornou de suma importância para a continuidade do desenvolvimento humano tanto como ser social, como ser construtor de uma sociedade desenvolvida tecnologicamente e culturalmente.
Hoje em dia não se pode negar que esta profissão pode ser chamada de mãe de todas. Pois qualquer profissão ou formação que se queira adquirir passa pelo professor.
Essa classe luta há muitas décadas por uma valorização, por salários dignos, por condições de trabalho que proporcionem uma boa relação no processo ensino aprendizagem. Mas o que se vê são promessas e compromissos de que isso um dia se realizará. Falácias de uma maioria que não entende o professor como principal agente no desenvolvimento de uma sociedade digna de ser chamada de primeiro mundo.
Não há nada que se possa fazer quando inexiste neste país vontade política de tornar o professor um profissional remunerado e dele ser tratado como profissional de primeira grandeza.
Se alguém é capaz, responda! Quem em sã consciência entrará numa profissão onde o salário se resumirá a um piso de 1187,00 por uma carga horária de 40 horas semanais? Sem falar em Minas Gerais, onde será usada uma proporção que iniciará o salário em 712 reais para um cargo de 24 horas semanais? É inaceitável existir uma proporção dessas! Estão simplesmente promovendo a extinção da profissão.
E agora estamos ai como Mico Leões Dourados, os últimos da espécie e literalmente criados em cativeiro, por um tirano! Infelizmente uma lei que seria a redenção para a profissão, está sendo interpretada conforme o mal querer dos governantes e acabando com a profissão, tanto hoje como no futuro.
Que tentemos sobreviver a este momento, pelo menos com a cabeça erguida de termos lutado até o fim.
Professor Jodson
Profissional em Educação Física – Ipatinga MG

Elisângela disse...

BIA, SINCERAMENTE ISSO JÁ ERA DE SE ESPERAR DO GOVERNO, MAIS ME DIGA O QUE FAREMOS? O QUE OS ADVOGADOS DO SINDICATO ESTÃO FAZENDO COM RELAÇÃO A NOSSA PERDA SALÁRIAL? EU CONTINUO FIRME NO SISTEMA DO PLANO DE CARREIRA, MÁS TENHO VARIOS COLEGAS QUE JÁ NÃO AGUENTAM MAIS, ESTÃO COM PARCELAS ATRASADAS DE CARROS, JA TINHA FEITO COMPROMISSO COM O VALOR DO SUBSÍDIO, E SE NÓS NÃO AGIRMOS RÁPIDO O GOVERNO GANHARÁ ESTA GUERRA FRIA E CALCULISTA CONTRA TODOS NÓS. EU CONFIO EM DEUS E ACREDITO EM VC BIA, MAIS TA FICANDO COMPLICADO ESTÁ DEMORA POR FAVOR NOS DE UM RUMO, POIS ESTAMOS A DERIVA. BJS E BOM TRABALHO PRA VC AI.

O Pianista disse...

Bia, temos agora que repensar o retorno da greve ou uma operação tartaruga...
Eu, por exemplo, já tomarei a decisão de não repor minhas aulas enquanto não ler no teu blog a proposta que queremos. Eu não abro mão de meus direitos. Abraços.

Elisseu Wasllay Alves Xavier disse...

Vamos para a greve urgente

Elisseu Wasllay Alves Xavier disse...

Vamos para a greve urgente

Elisseu Wasllay Alves Xavier disse...

Vamos para a greve urgente

Elisseu Wasllay Alves Xavier disse...

Greve

ANA PAULA disse...

CADÊ MINHAS FÉRIAS EM JANEIRO? GATO COMEU?

Anônimo disse...

Só existe uma forma de fazê-lo parar com esse trem desgovernado, querendo atropelar todo mundo. É só ninguém aplicar o SIMAVE.

bruno disse...

Aécio, "Anestesia", Newton Cardoso, Azeredo,Hélio Garcia.... péssimas lembranças para os educadores!!!!!
será que não tivemos nenhum governador que prestasse em nossa historia republicana ao contrario do RS e RJ? Que lastima o sentimento quw nuto hoje por ser professor da rede estadual e.... o ultimo a sair apague a luz....

siibelin disse...

Que não se inicie! É um absurdo que o sr governador trate toda uma categoria como lixo. Eu me envergonho, e muito, da minha cidade não ter aderido à greve. Fomos omissos. Neste interior tem até professor dando razão ao governo em cortar o pagamento de grevistas e achando natural não termos um posto do IPSEMG na cidade, então fica difícil ter uma união e mobilizar os colegas. Mas a continuar neste passo, nós, os mais "esclarecidos", porque tem um bando ainda sob o poder do lado negro da força, teremos mesmo de ir a campo e tentar mobilizar o maior número de colegas. Vergonha. Minas avança para onde? Só se for para um buraco negro ou esgoto.

Anônimo disse...

Fizemos a opção pelo regime remuneratório VIGENTE e não por uma nova carreira.

Anônimo disse...

Beatriz, infelizmente temos q ser egoístas e trabalhar c o piso para os professores e especialistas. pq as demais categorias, além de não aderirem ao movimento ficam nos criticando, de cara fechada pra nnós na escola e nos culpando por perderam 14, os feriados, sábaos etc. Se eles quiserem aumento q tb façam greve. Enquanto a gnt bancar os bom samaritano, vamos continuar perdendo. sou a favor do boicote ao SIMAVE e a operação tartaruga.

Anônimo disse...

Beatriz, infelizmente temos q ser egoístas e trabalhar c o piso para os professores e especialistas. pq as demais categorias, além de não aderirem ao movimento ficam nos criticando, de cara fechada pra nnós na escola e nos culpando por perderam 14, os feriados, sábaos etc. Se eles quiserem aumento q tb façam greve. Enquanto a gnt bancar os bom samaritano, vamos continuar perdendo. sou a favor do boicote ao SIMAVE e a operação tartaruga.

Silvio disse...

Silvio
Bia. para quem sabe ler, um pimgo é letra. é GREVE de novo! ainda este ano! O governo não cumpriu a assinatura do documento, para que a nossa greve terminasse, então temos todo o direito de não cumprir a nossa promessa de retornar a trabalhar! Este governo esta brincando conasco, esta achando que somos crianças!Acredito eu, que todos aqueles colegas que foram firmes do primeiro ao ultimo dia de GREVE, vão ter o prazer de entrar nesta luta de novo! Sabemos que este governo só funciona na pressão, e a única pressão que funciona com este governo é a GREVE! Então vamos à LUTA! Um grande abraço!

Anônimo disse...

SOCORRO!!!!!
CONTRACHEQUE ZERADO OU QUASE ZERADO!

CARLA disse...

SOCORRO!!!!!
CONTRACHEQUE ZERADO OU QUASE ZERADO!

Heider disse...

Beatriz,

Infelizmente, estamos cada vez mais descrentes nestas pessoas que se dizem nossos representantes.
Estive acompanhando a atuação de diversos deputados quando de nossa greve, e que naquele momento agiram em perfeita ordem com o que estava sendo proposto pelo sindicato.
Hoje os vejo em outras situações se vangloriando que conseguiram o que se propunha, e o que estão fazendo é se promovendo às custas de poucas palavras de ordem.
É impressionante a guera que nós professores estamos enfrentando para que consigamos que nossos governantes cumpram a lei, e enquanto isto semana passada a assembleia legislativa aprovou o aumento dos servidores do legislativo (não que eles não mereçam) e retroativo a Maio deste ano. E aí perguntamos: PARA QUE A LEI FEDERAL? ONDE ESTÁ A LEI DO PLANO DE CARREIRA? POR QUE TAMANHO DESRESPEITO?
Em 2001 fiz concurso, e o Edital propunha o salario de R$ 660,00 para professor de licenciatura plena. Hoje tenho especialização e meu salário é de R$ 691,80. Em 10 anos de Estado, consegui no meu salário base a importância vultuosa de um ganho real de R$ 31,80, isto porque me especializei, pois se não estaria recebendo algo em torno de R$ 580,00

Juliana disse...

Realmente é um absurdo a situação que nós professores do Estado de Minas Gerais estamos sofrendo. Na realidade dá um enorme desânimo todo início de mês na hora que abrimos o contra-cheque e vemos que na realidade estamos pagando para trabalhar, que o nosso trabalho trás dívidas, sofrimento e não gozo, bem-estar, nos priva do mínimo necessário para a sobrevivência.

geisa Abreu disse...

Oi Beatriz, é Geisa de Itaúna. Eu liguei há dias para o sindicato dando a ideia de boicotarmos o Simave. Paralisação no dia das provas. Toda vez que marcar paramos. Aqui em Itaúna já lancei a ideia ela vem crescendo nas Escolas. Na minha, os professores aceitaram e todos estão ciente que o governo cortará o ponto. Precisamos de articular esta ideia no estado todo. Bem planejado e coordenados pelo Sindicato através das subsedes conseguiremos um alto índice de adesão Precisamos nos organizar mais que nunca. Abraços

Yara Lucia - Ituiutaba disse...

Esse governo está levando seu LIBERALISMO até os limites das consequencias!!!!!
A crueldade é sem medida!
Me deixa chocada como eles ignoram as leis!!!!!
E o pior do que o governo não considerar leis é a INjustiça, tanto mineira quanto federal, que nos deixaram abandonados à mercê dessa tirania do estado burguês contra todos os serviços que poderiam beneficiar a sociedade!!!!
ESTOU EXTREMAMENTE REVOLTADA!!!!

Anônimo disse...

Olha. Eu não vejo nenhuma pirraça neste governo . È roubo mesmo.Descaradamente roubo. E o que mais me surpreende, é que ninguém faz nada contra.
Cadê o STF ? Não exite um órgão que fiscaliza tais atitudes de governos, ou quem quer que seja,fora da lei? Me deixa chateada demais , é que não estamos pedindo nada que não seja direito nosso:piso.
A quem mais devemos recorrer? Ninguém faz o que este governo está fazendo e fica impune assim.
Que país é este?
O que será que ele fala , qd apresenta tais tabelas ? O que será que pensa, um sem noção destes? Ele assina seu próprio roubo e fala que não tem dinheiro?
Cara de pau!

Anônimo disse...

ATENÇÃO, NÃO ESTAMOS TENDO ATENDIMENTO PELO IPSEMG , NO INTERIOR, SERÁ QUE VAI CONTINUAR DESCONTANDO NO CONTRACHEQUE?? NÃO É ILEGAL COBRAR UM SERVIÇO QUE NAO ESTA SENDO FORNECIDO??

Anônimo disse...

Beatriz ...boa tarde
Referente os descontos no contracheque de novembro: considero um absurdo o que
veio no meu contra cheque.
O trato foi pagar o salário integral em novembro. Nada justifica descontos de dias parados anteriormente. O trato foi bem claro: salário integral em novembro e o décimo terceiro. Os descontos referentes a setembro seriam feitos em dezembro e janeiro. E os descontos de junho, julho e agosto já foram feitos, através dos cortes salariais e do salário zero de outubro.
Mandei um cópia do meu contra cheque pra o sindicato. Favor verificar.
Boa sorte nas negociações e que Deus te ilumine a cada dia. Bjus Madalena Machado - Unaí MG

Anônimo disse...

Não vamos nos submeter a acordar com essa proposta indescente do governo,para isso temos que mostrar a nossa insatisfação e denunciar à sociedade e comunidade escolar as mazelas em que Minas está mergulhada.Penso que seria estratégico promover um dia "D" com as demais categorias do estado e fazer uma passeata gigantesca para registrar a insatisfação do funcionalismo e as repercussões negativas da prestação precária ou ausente de serviços públicos em Minas Gerais.Também sugiro,que seja feito um comunicado unificado ,na TV e Jornal Super ,denunciando os problemas principais que cada categoria do funcionalismo enfrenta com o governador e os reflexos da má-versação do erário para a população mineira:tarifas públicas e impostos elevados,sobretaxação,precariedade da educação,falta de atendimento médico e segurança.Outra proposta seria organizar um movimento juntamente com os estudantes,movimentos sociais e sociedade civil e convocar o"FORA ANASTASIA, através das redes sociais e demais órgãos da mídia,marcando uma manisfestação conjunta.É preciso desastabilizar administrativamente e politicamente esse governo,para que possamos obter uma vitória definitiva e garantir o piso espelhado na carreira da Lei de 2004 ainda em vigor.GOLPE NUNCA MAIS.
Obs.não publicar a mensagem por causa das sugestões.

Alexandre Gonçalves disse...

Lamentável, esse Anastanazista e sua turma...

Devo 3 prestações de casa própria, 3 de cartão de crédito, tive descontos enormes no que eu receberia no contra-cheque de novembro, fiquei sem dinheiro até pra ir trabalhar e agora sequer posso fazer uma pequena comemoração de 2 anos de minha filha no próximo dia 4 devido a intransigência deste dito governo...

Só mesmo Deus pra nos ajudar.

Alexandre Magno Gonçalves.

Néia disse...

Valdinéia Profesora de geografia Santana da Vargem Sul de Minas. Greve, greve,greve ate que o Anastasia pague o piso que nos deve....boicote ao SIMAVE é necessário....

Anônimo disse...

.

Emilia Maria de Almeida Moura disse...

Bia euli todos os comentários, confesso que chorei ao ver pai de família desabafar que não pode pagar a casa própria a festinha de sua filha. È deprimente o que estamos passando.Essa política incompetente que temos. Eles querem nos vencer pelo cansaço!Não aceitei subsídio.Sou aposentada a 14 anos e fico chocada com tamanho descaso com a mais nobre de TODAS as profissões.Desrespeito total. È deprimente!!!

BARRETO disse...

BEATRIZ , BEATRIZ
É O FIM -
QUE POVO SEM CARÁTER, ISTO É ...
NEM TENHO PALAVRAS PARA EXPRESSAR A MINHA INDIGNAÇÃO.
NÃO SEI COMO VOCÊ SUPORTA REUNIR COM ESSE POVINHO.
AQUI, NO ALTO RIO PARDO, SÃO JOÃO DO PARAÍSO - TUDO COMO ANTES - TODOS CONTENTES
AS SERVICAIS NÃO RECEBERAM 1/3 FÉRIAS

Anônimo disse...

BEATRIZ .
COMENTAM-SE QUE O GOVERNO ADIOU AS INSCRIÇÕES DO CONCURSOS E O PRÓPRIO CONCURSO , POR NÃO TER NÚMERO SUFICIENTE DE INSCRITOS . SERÁ VERDADE?
NÃO É DIFÍCIL DE ACREDITAR . POIS NA MINHA ESCOLA E EM OUTRAS ESCOLAS AQUI, HOUVE EDITAL DE ED. FÍSICA E NÃO APARECEU CANDIDATOS . E EM OUTRAS ÁREAS TB. ISTO TEM ACONTECIDO COM FREQUÊNCIA.
O GOVERNO Ñ ESTÁ NEM AÍ, COM ESTES FATOS ,
UM GRANDE ABRAÇO E DEUS LHE DÊ FORÇAS E SABEDORIA SEMPRE.
MARILENE- ROFESSORA, SUL DE MINAS

César Pedroso disse...

Oi Cara Bia!!!
Carabina falando....
Gente nós somos o QUÊ???
1- Um saco de batatas,
2- Um saco de bata'..,
3- Um saco de ba...!!!!!!!!!!!
Chega gente: "...quem carrega o trem pra frente ....de repente pode o trem parar...abc...abcedário e podemos novamente...JÁÁÁÁ...as escolas "PARAR".....Vamos lá educadorada....demorou(como diz us mininus....)....DEMORO!!!!!!

CRIS disse...

Queridos companheiros,
O momento é de reflexão e ponderação.
Devemos analisar todas as possibilidades e suas eventuais consequèncias, esperar o ventaval passar para juntos tomarmos a medida certa.Beatriz oro a Deus para que lhe abençoe com todas as sortes de bènçãos nas regiões celestiais em Cristo Jesus, dado-lhe discernimento para tomar a decisão correta.
Cris

César Pedroso disse...

"Fazer a história é estar presente nela e não simplesmente nela estar representado" (Paulo Freire)


GREVE JÁ...!!!

Anônimo disse...

TEM QUE PROPOR O FIM DO MÓDULO 2,OUTRA PALHAÇADA CRIADA POR ESSE GOVERNO.

César Pedroso disse...

Quebrei!!!
cartão atingi o máximo,
pra chegar em casa seguramente:
tenho que chegar de pára-quedas, pra esconder dos credores....
SOU O QUÊ??????
UM SACO DE BATATAS?????????????
EDUCADORADA DE MINAS....
CONVOCAÇÃO JÁ DE UMA ASSEMBLEIA ESTADUAL, com proposta de nós retornar a GREVE, porra educador você tá aparecendo uma batata mucha, machado de assis, negro venceu várias dificuldades, gente "VAMOS ACABAR DE MELAR O ANO LETIVO E FODA-SE......." saíremos de férias, proposta pra comissão tripartide(que caráio é esse), tudo bem gente...tripartide....governo+governo+nós fudidos....
Gente vamos chamar uma assembleia pra gente decidir.....vamos melar tudoooooooooooooo...eles não cumpriram, não foi????agora devemos ligar o "FODA-SE" e melar o ano previsto para março do ano que vem....vces lembram?????
GREVE GENTE....VERGONHA E BRIO NA CARA....Não sou um saco de batatas....

César Pedroso disse...

CACETA!!!!!!!!!!!!!!!
ASSEMBLEIA JÁ!!!!!
Tem que dar um tempo de uma semana(seria um tempo pra organizarmos os piquetes...parar tudo...escolas, postos, superintendências, com o apoio da "Comissão de Educação da ALMG".
Temos que levantar a cabeça e dizer para o secretário Danilo de Castro que não aceitamos, marcando para a próxima reunião da comissão uma nova proposta---no mínimo reconhecer o piso nacional nas 8 categorias na carreira em jogo, pra não ameaçar, mas pra ameaçar temos que avaliar, não sei bia o que rolou no conselho, mas acho que fecha com a opinião dos anônimos(que porra é essa de não identificar....anônimos...caraio cê é da educação????anônimo????)))

Cara Bia!!!!!!!!!
Carabina de tiros de cidadânia....
Vamos lá menina...parar o trem novamente...quem sabe o poder respeita a NOSSA DIGNIDADE...senão, vamos e temos que melar esse acordo que não respeita o mínimo dos nossos direitos...
Não desanima não Bia...a briga só tá começando....vamos lá MINHA GRANDE LIDERANÇA, é o resto manda tomar de canudinhum..............

César Pedroso disse...

GREVE...estávamos ....estamos....vamo entra né...que ....diaaaaaa....de-morouuuuuuu....
antes que o ano letivo acabe...greve jáaaaaaaaaaaaaaaaa.............

Anônimo disse...

Vamos encarar a situação de frente!!! Sugiro "boicoite" ao PROEB e PROVA BRASIL que vem aí.....

Anônimo disse...

O Governo não iria escalonar a implantação do Piso, de 2012 até 2015? Como ele vem com essa proposta prontinha e ridícula para janeiro/2012? Essa proposta é uma aberração, não podemos aceitar de forma alguma.Se não houver avanços neste mês de novembro, sugiro que paremos com as reposições.
Tive cortes no meu pagamento também. Salário líquido: R$ 753,00.
Como confiar nesse governo?
Uberlândia.

Vilma Luiza, de Montes Claros disse...

Bom dia, Bia e colegas. Um especial bom dia ao colega Ricardo Falcão, que ontem, 01/11, às 10:50, postou o poema "No caminho", de Maiakóvski: maravilhoso e muito apropriado!

Muitos colegas estão reivindicando o retorno à greve. Creio, porém, que antes de qualquer coisa, precisamos nos organizar na base: primeiro nas escolas, a começar por uma operação única em relação ao SIMAVE, esclarecendo a todos - colegas, alunos e à comunidade (através de bilhetes, nas igrejas, nas praças...) o porquê e o objetivo da ação; acredito que orientar os alunos a anularem as questões é o mais viável; também concordo com o Eduardo, que postou às 6:27 de ontem, de que a intenção clara do governo é desconstruir o movimento que criamos e solapar a força e a autoridade do sindicato. O governo quer novamente a categoria fraca, desesperada, sem rumo, sem vontade, ou melhor, sem condições de lutar... Não nos deixemos abater, colegas. O que fazer?, pergunta Eduardo. Respirar fundo, não desesperar, não adoecer; esse momento vai passar, ele é fruto da nossa mobilização, que o governo não quer que se repita. Se a situação financeira estiver desesperadora,caso o pagamento não tenha vindo este mês (sacanagem!...,procure os colegas mais próximos e mais engajados e fale da sua situação.
Que em cada escola haja alguém ou algumas pessoas com iniciativa para organizar ajuda aos colegas nessa situação.
Continuemos de cabeça erguida, companheiros(as) e lembremo-nos: " NUNCA TROQUE O QUE MAIS QUER NA VIDA, PELO QUE MAIS QUER NO MOMENTO." Nada de lamentações! Abração em cada um(a) e ...força! Vilma Luiza

Daniel disse...

PROFESSRES: Escravos - Professores não grevistas - Agem como escravos submissos, aceitam o status quo passivamente, domesticados pelo sistema.
Professores grevistas - Quilombolas

DIRETORES, INSPETORES E ANALISTAS: Capitães - do -mato: são responsáveis pela domesticação dos escravos, e repressão aos quilombolas. São explorados, mas agem segundo as ordens do seu amo (governador). Neste caso, existem raríssimas exceções.

Governador: Senhor de escravos e dono do ENGENHO:

VEJAM, NÃO PARECE COM O SISTEMA ESCRAVISTA

Nina disse...

Quero registrar aqui a minha indignação a este governo vergonhoso. Fui a uma convocação para concorrer a 7 aulas e a funcionária da escola explicou que como as aulas eram de recomposição de carga horária do aluno trabalharíamos o dobro, porém receberíamos apenas pelas 7 aulas. Isto se chama abuso de poder, assédio moral, vergonha nacional. Aproveitar da nossa necessidade de trabalho para explorar é um absurdo. Como se fossemos alienados e desprovidos de conhecimentos dos nossos direitos. Não peguei o contrato mas ainda estou enojada de tamanho desrespeito para conosco. Detesto este governo.

Anônimo disse...

Beatriz, estou acompanhando tudo de perto.Fiz os 112 dias de greve junto com meus colegas do Elias Issa,mas a cada dia que passa vejo que este governo não tem limites para maldades e que não existe lei para ele.Não quero e não posso dexistir dessa luta.Por favor me ilume com algum comentário para que eu possa voltar acreditar nesta luta.

Anônimo disse...

NÃ0 VAMOS NOS DESANIMAR, VAMOS PENSAR NUMA ESTRATÉGIA E DAR O TROCO A ESTE DESRESPEITO.GREVE JÁ!!!!!!!!!

Anônimo disse...

Só com movementos grevistas a EDUCAÇÃO será lembrada... Lutem sempre!!!

Anônimo disse...

Essa tabela é pior do que um tapa na cara.O governo está nos fazendo de bobos.Por isso,eu defendo que na próxima reunião,o sindicato seja mais objetivo e deixe bem claro para o governoo o que nós queremos e que não abrimos mão e os pontos que podem ser negociados.
veja a minha sugestão!
O que não pode ser alterado:
-O Piso salarial vigente proposto pelo Mec.Portanto, não devemos discutir valores,é o Piso vigente e ponto final;
-O Plano de carreira,até porque,a lei garante também a carreira;
-Os cinco níveis da carreira.
O que pode ser negociado:
-O escalonamento dos percentuais entre os níveis desde que o menor valor não seja inferior a 10% em 2012 e em 2015 não seja inferior a 20%;
-O escalonamento dos percentuais entre os graus desde que o menor valor não seja inferior a 1% em 2012 e nem inferior a 2,5%em2015;
-A redução do número de gaus desde que não seja inferior a 10.
Enfim, não podemos permitir que
esse governo mentiroso nos engane novamente.
ABRAÇOS!

Anônimo disse...

Gente, temos que fazer algo! Não podemos depois de mais de 100 dias em greve deixar que este governo safado faça isso conosco!
O que podemos fazer?
Como devemos proceder com este governo sem-vergonha?
Estou muito indignada: vejo que todo meu sacrifício, dias sem dinheiro, prestações atrasdas, dividas e mais dívidas não valeram de nada....

Indignação!

MARCOSPACHECAO disse...

TEMOS QUE FERIR O CORAÇÃO DO GOVERNADOR E ESTE CORAÇÃO É O MINEIRAO TEMO QUE ENTRAR LÁ EAI VAI TER REPERCUÇÃO JÁ QUE IRA ATRASAR AS OBRAS.

MARCOSPACHECAO disse...

TEMOS QUE FERIR O CORAÇÃO DO GOVERNADOR E ESTE CORAÇÃO É O MINEIRAO TEMO QUE ENTRAR LÁ EAI VAI TER REPERCUÇÃO JÁ QUE IRA ATRASAR AS OBRAS.

Anônimo disse...

Além da tabela novamente os salarios foram cortados. Pagaram e tomaram no mesmo contar cheque. A indignação eé ter acredito nesse governo. Salário de R$ 23,00 (dois cargos)

Anônimo disse...

Qual a lógica do governo na composição de tabelas salariais onde se aplica apenas o piso proporcional
sem o plano de carreira? A lógica é ser sempre desvantajoso em relação ao subsídio.Até o momento foram meus 1780 reais de corte. Nós estamos pagando uma conta muita alta, muito sacrifício para nenhum resultado. Tenho uma proposta de luta simples e eficaz, como apresentá-la? Aqui mesmo? Prof. Miguel ( ex-militante sindical )

HILDA MIRANDA - CONTAGEM disse...

Espanto, choque foi o que senti quando vi a tabela do DESgovernador! Nunca vi um governador igual a esse, e olha que já vivi astante. Ele ultrapassa qualquer limite de razoabilidade. Ele é tão inconsistente, que não há como classificá-lo. Acho que posso compará-lo ao Imperador Nero, que se divertia com a desgraça dos outros.Ele vai impcar nessa briga,não vai cumprir a lei e pronto. Não há argumento para debater com loucos.
Que Deus nos acuda!
Hilda Miranda- Contagem

Anônimo disse...

estou indignada e envergonhada.Nossa única esperança é o sindicato e parece que vocês que nos representam não fazem nada. Onde estão os advogados que ainda não entraram na justiça contra esse governador sem vergonha e sem escrúpulos?Sinceramente não vejo outra opção a não ser parar tudo de novo. Se ele quer acabar com a educação, que seja agora.

Anônimo disse...

Gostaria de saber,onde estão meus comentários?????Sempre não aparecem!!!!Porque??????
Falei que Anastasia é autoriário,inconveniente,abusado!!!!!E perguntei sobre os advogados do sind ute,o que fazem nesta situação???
Não conhecem leis?????
Favor publicar!!!Não estou desacatando ninguém!!!Estou querendo saber se o sind não tem advogados????E o que fazem p nos defender deste monstro chamado PSDB?

Anônimo disse...

BRENDA POLIANA_ aluna do Estadual Central

Os deputados elaboram leis e eles mesmos aprovam, cada governante tem sua função e a função principal é representar o povo, fazer o que o povo quer que faça, falar pelo povo, representar o povo, porém o que deveria ser prática tem se tornado teoria. Ao invés de representar o governo tem “manipulado e reprimido” o povo de uma forma que pensamos ser democrática, mas isso será uma democracia? Os governantes têm tratado a questão salarial dos professores como algo sem importância, a sociedade tem necessidade de uma educação melhor e o salário dos professores que estudam e se dedicam a vida inteira as suas profissões não é equivalente aos seus esforços.

jc disse...

A HORA É DE PONDERAÇÃO!
explico:
a justiça em minas já aceitou que:
- substituissem professores grevistas, pois iria atrapalhar o enen.
- continuassem a substituir os professores, pois a greve estava longa.
- o corte nos salários, pois salário de professor nao é pra comprar alimento, como o dos correios e sim para comprar anti-depressivos, drogas, bebidas e etc.
-a greve foi julgada extensa, mas nao tiveram coragem de julgar ilegal.
- já tem alguns professores e funcionários culpando grevistas pela sua consiência que é claro, a falta do dinheiro.
-outros funcionários publicos já culpam os professores grevistas, pelo nao pagamento dos benefícios.

Viram como esta dificil continuar nesta linha que adotamos. Acredito que temos que mudar sim o nosso tipo de greve, faremos igual ao governo, uma greve branda , do tipo que, sentiram , o que sentimos com relação ao governo.
- ao inves de entrar em greve e nao receber, vamos receber e nao trabalhar, entramos na sala de aula e passaremos dois exercícios e deixaremos que os alunos o façam os 50 minutos, pois nao acredito que o governo irá nos pagar pela redução de horário. a matéria que se lecionava em 5 aulas levaram 15.
-ao inves de nao aplicar o simave, iremos aplicar sim, porém deixaremos os alunos a vontade para colarem, chamaremos os fiscais e anularemos a prova, por motivo de força maior.
- vamos repor sim, mas do nosso jeito, imaginem se ficar por nossa conta.
acredito que a greve branda irá irritar nuito mais pais , alunos e principalmente o governo.

jc

Anônimo disse...

O que o estado fez com os professores foi covardia deixando-os sem salários.Até agora não entendi porque o sindicato foi a favor em mandar os professores que estavam substituindo os grevistas embora ,Porque não acordar em deixá-los até o final de seu contrato. ouvi de um professor " foram eles que minaram a greve" balela quem minou a greve foi o governo os professores não são nada para o governo se o povo fica sem segurança ok o governo negocia porque a população não pode ficar a mercê de bandidos aí tem negociação gera ônus para a sociedade se o povo está sem saúde vamos melhorar os salários dos médicos porque o povo não pode adoecer porque os direitos humanos garantem o direito a vida se os correios entram em greve vamos negociar porque os boletos precisam chegar, se os bancários fazem greve vamos negociar porque o sistema financeiro não pode parar, se os funcionários da construção civil param gera-se um pânico no estado e viajando na velocidade da luz chega ao congresso e assim um acordo é feito quase que instantaneamente pelos estados mas é claro pelo amor de Deus a copa está ai Não é mesmo ? e não pode parar . E SE OS PROFESSORES PARAREM O QUE PODE ACONTECER? O resultado está aí "NADA" "NADA".......OS PROFESSORES PODERIAM FICAR DE BRAÇOS CRUSADOS 365 DIAS QUE NADA IRIA ACONTECER . QUEM FICA SEM SALÁRIO NÃO CONSEGUE SE QUER COMPRAR UM SACO DE FEIJÃO OU DE ARROZ PRA COMER CADE OS DIREITOS HUMANOS O GOVERNO DEIXOU MILHARES DE PROFESSORES PASSANDO ATÉ FOME COM ESTA ATITUDE DE NÃO NEGOCIAR E O SINDICATO QUERENDO QUE ESTES FICASSEM FIRME ,PELO AMOR DE DEUS COMO UM PROFESSOR GANHANDO O QUE GANHA TEM CONDIÇOES DE SUSTENTAR UMA GREVE TÃO LONGA O SINDICATO TEM QUE ABRIR OS OLHOS VAMOS USAR A CABEÇA BEATRIZ CERQUEIRA É CLARO QUE FOI UMA DISPUTA DESLEAL E MALDOSA .os PROFESSORES ESTÃO VOLTANDO PARA SUAS SALAS TRISTES E AO MESMO TEMPO REVOLTADOS COM ESTE GOVERNO DITATORIAL ,POLITICOS QUE NADA FAZEM PELA EDUCAÇÃO, ESTES ESQUECENDO QUE FORAM EDUCADOS POR UM MESTRE . NÃO ENTENDO COMO TANTO DINHEIRO É MAU EMPREGADO NESTE PAIS ,DESVIADO, SURRUPIADO ESCONDIDO EM CUECAS ,É VERGONHOSO A POLITICA NESTE PAIS .como DISSE ROBERTO JEFERSOM POLITICOS PROSTITUIDOS PELA CORRUPÇÃO , MARIONETES SEM VOZ DE UM GOVERNO SUJO E CORRUPTO "QUE SIRVA A MASCARA A QUEM COUBER".e voltando a quela questão dita por um professor foi "os substitutos que minaram a greve" . A decisão de término da greve foi do governo e não dos professores pelo amor de Deus vcs são cegos ??? Os professores são vitimas deste rolo compressor imposto pelo estado . E desta forma repudio qualquer um que venha dizer que este professor substituto foi mau intencionado , pelo contrario estes apenas estavam a procura de trabalho assim como tantos outros trabalhadores que precisam colocar o pão de cada dia na boca de seus filhos. Repudio totalmente a colocação do sindicato em compactuar com a demissão dos professores substitutos quando deveria proteger os seus direitos ao trabalho. Proteger não somente os professores substitutos mas também os professores grevistas.Não sei como seria possível uma negociação amigável mas pelo menos levantar a cabeça para o alto e ver de cima o problema e não enxergar com os olhos dentro do furacão.

Desde já agradeço .

REDEGEOAMBIENTAL disse...

Parabéns Brenda, Estou divulgando um ato. É ecológico mas com fundo político quem quiser compareça. Bairro Palmeiras, Saída da Praça Sebastiao Alves Costa (praça do Palmeiras)Sábado dia 05/11 as 09:00. Deveriamos formar o movimento #foraAnastasia. O movimento foralacerda vai vir.

Altamiro Fernandes da Cruz disse...

Sem nada temer, digo aquilo que penso: -Pior que ter um Governo corrupto, é termos um GOVERNO CANALHA! E, inseridos nesta "CANALHICE ANASTASIA", estão os Senhores (Sic!) Aécio Neves e o - até então - Ministro da Educação que, de braços cruzados, estão vendo o Circo do Palhaço Anastasia (Que azia, Santo Deus!)pegando fogo.
Acordem parvos! Ajudem o Brasil a alcançar o desejado desenvolvimento! Deem o devido apoio à Educação - mola mestra para o crescimento de uma nação séria. Infelizmente, seriedade não é o forte em nosso país. Falta-nos políticos sérios. Anastasia quer calar a nossa voz. Então, pergunto: -O que será de nós?
Altamiro Fernandes da Cruz